A Rolls-Royce Motor Cars comemora o segundo maior volume de vendas dos 112 anos de história da marca

  • O segundo maior volume de vendas dos 112 anos de história da marca.
  • 3.785 veículos entregues aos clientes em 2015.
  • A Rolls-Royce domina o segmento do super-luxo (acima de 200 mil euros).
  • Desempenho robusto em todas as regiões do planeta, à exceção da China.
  • Personalização Bespoke em níveis jamais alcançados.
  • Os resultados reafirmam a Rolls-Royce como o fabricante líder mundial de bens super-luxuosos.
  • A América do Norte é a principal região, à frente do Oriente Médio, Europa e Ásia-Pacífico.
  • Os EUA representam o maior mercado individual.
  • Os veículos Rolls-Royce são vendidos através de uma rede de 130 distribuidores em cerca de 50 países.
  • A Rolls-Royce Motor Cars Abu Dabi foi o distribuidor com o melhor desempenho em vendas pelo terceiro ano consecutivo.
  • 100 novos trabalhos criados em 2015.
  • Admissão recorde para o Apprenticeship Programme da empresa.
  • Novo Centro de Tecnologia e Logística aberto em Bognor Regis.
  • Investimentos significativos na fábrica para os novos modelos.

A Rolls-Royce Motor Cars tem a satisfação de anunciar que as vendas de 2015 foram as segundas maiores registradas em seus 112 anos de história. 3.785 veículos fabricados à mão foram encomendados por clientes em todo o mundo no ano passado.

Torsten Müller-Ötvös, CEO, comentou: "2015 foi um ano terrivelmente desafiador para a indústria inteira do luxo. Sinto-me muito orgulhoso pelo nosso sucesso, que foi alcançado mesmo indo contra um considerável clima de incerteza global. Comprovamos que nossa estratégia de crescimento global de longo prazo equilibrado, sustentável e rentável está dando seus frutos e mantivemos nossa posição como o principal fabricante de bens de luxo do mundo. Estou muito confiante em relação a um ano muito intenso em 2016".

Foram registradas vendas recordes na Ásia-Pacífico (mais 13%), no Oriente Médio (mais 4%) e na América do Norte (mais 6%). Os mercados individuais que registraram resultados recordes incluíram a Coreia (mais 73%), Japão (mais 7%), Catar (mais 21%), Rússia (mais 1%), Reino Unido (mais 2%) e EUA (mais 7%). Mercados emergentes como Taipé, Indonésia, Malásia e Cazaquistão mostraram um crescimento prometedor. Na China, ventos contrários significativos causaram um impacto negativo em todo o setor do luxo, e a Rolls-Royce não ficou imune a esta conjuntura. A região apresentou uma redução de vendas de 54% comparado a 2014.

As vendas foram impulsionadas pelo sucesso da família de veículos Wraith e Ghost, enquanto o Phantom permaneceu como o principal produto da empresa globalmente, reafirmando seu status como o super-luxo mais desejado do mundo. Em 2015, a Rolls-Royce mais uma vez vendeu mais veículos no segmento de mais de 200 mil euros do que qualquer outro fabricante, mantendo a posição incontestável da última década.

Como parte do compromisso da marca com o crescimento sustentável a longo prazo, a Rolls-Royce anunciou cinco novos distribuidores durante 2015. Assim, a rede global de distribuição sobe para 130, com uma expansão adicional planejada para 2016. A Rolls-Royce Motor Cars Abu Dabi foi o distribuidor com o melhor desempenho em vendas pelo terceiro ano consecutivo.

Tendo em vista um ambiente de negócios global altamente desafiador, a Rolls-Royce Motor Cars deu continuidade à sua estratégia de crescimento sustentável a longo prazo. Em setembro, a apresentação do novo cupê conversível Rolls-Royce Dawn sacudiu o mercado, quebrando todos os recordes anteriores de pedidos prévios e atraindo uma geração mais social e mais jovem de pessoas bem-sucedidas para a marca. As primeiras entregas aos clientes ocorrerão no segundo trimestre de 2016.

No mesmo mês, a empresa completou a primeira fase de um importante investimento no futuro da marca com a conclusão de seu novo Centro de Tecnologia e Logística (TLC) em Bognor Regis. A instalação especialmente construída, com 30 mil metros quadrados, foi aberta formalmente para atividades, conforme programado, no dia 4 de janeiro de 2016.

Ao longo de 2015, os trabalhos significativos de construção e de expansão também continuaram na Home of Rolls-Royce em Goodwood, onde a empresa está investindo pesadamente em um novo sistema de fabricação de linha única que impulsionará a estratégia de produto altamente inovadora da marca a longo prazo.

Um número recorde de clientes encarregaram os designers da marca e os artesãos na criação de expressões de personalização Bespoke de suas preferências e estilos de vida. Praticamente cada Phantom, Ghost e Wraith que saiu da Home of Rolls-Royce em 2015 continha elementos de design de personalização Bespoke especialmente encomendados. Isto reafirmou o status da marca como o único fornecedor autêntico de veículos super-luxuosos fabricados à mão. A Rolls-Royce consolidou ainda mais a sua posição como o extraordinário criador mundial de veículos verdadeiramente personalizados através de suas coleções Bespoke, que incluem o Wraith Inspired by Film, Fashion & Music, e os Phantom Nighthawk e Limelight, e criações exclusivas, como o Phantom Serenity.

A demanda constante no mundo inteiro e o compromisso de investir no futuro talento britânico de fabricação levaram à criação de 100 trabalhos permanentes altamente qualificados em 2015. A empresa emprega agora 1.600 pessoas na Home of Rolls-Royce, um aumento significativo sobre os 350 que trabalharam para criar o primeiro Phantom em 2003.

O primeiro ministro britânico, David Cameron, durante uma visita à Home of Rolls-Royce, declarou em fevereiro de 2015 que a Rolls-Royce Motor Cars era "uma grande história de sucesso da indústria britânica". O renomado programa global Apprenticeship Programme da marca também foi elogiado pelo primeiro ministro, que felicitou a Rolls-Royce por seu compromisso permanente no desenvolvimento dos jovens. Em 2015 tivemos um recorde de admissão de aprendizes, com níveis de recrutamento estabelecidos para permanecerem em níveis recorde em 2016, o 10° aniversário do Apprenticeship Programme.

O sucesso da empresa, face às pressões comerciais globais, é o testemunho de sua estratégia de longo prazo, baseada no crescimento sustentável. O sucesso desta abordagem também se refletiu no crescimento substancial dos programas Provenance (Seminovos) e Financial Services durante 2015. Essas ofertas estão levando a marca a um público mais amplo, e oferecendo novas oportunidades a quem aspira ser o proprietário de um Rolls-Royce.

O Ministro de Negócios Anna Soubry disse: "Os resultados de hoje da Rolls-Royce Motor Cars mostram que os carros de luxo fabricados na Inglaterra continuam a ser invejados no mundo e representam outro sinal da força de nossa excelente indústria automobilística". E acrescentou: "Continuando a apoiar e a investir em nosso setor automobilístico, podemos garantir que continuaremos a criar trabalhos altamente especializados e a incrementar nossas exportações. Estou particularmente satisfeita pelo sucesso do programa de aprendizagem da empresa, pois nossos fabricantes de automóveis já são os mais produtivos da Europa e isto somente pode se manter dando prioridade à capacidade da mão-de-obra".